/|\

Welcome to the Slackware Documentation Project

Diferenças

Aqui você vê as diferenças entre duas revisões dessa página.

Link para esta página de comparações

Ambos lados da revisão anterior Revisão anterior
Próxima revisão
Revisão anterior
Última revisão Ambos lados da revisão seguinte
pt-br:slackware:faq [2021/05/27 23:48 (UTC)]
carriunix [Por que o Slackware Linux não tem meu software "XYZ" favorito incluído no CD / DVD?]
pt-br:slackware:faq [2021/06/11 23:55 (UTC)]
carriunix [O Slackware Linux tem a reputação de ser difícil para iniciantes. Isso é verdade?]
Linha 44: Linha 44:
 O Slackware vem basicamente em duas versões: stable e current. O Slackware vem basicamente em duas versões: stable e current.
  
-As versões estáveis (stable) ​​são as versões numeradas (12, 12.1, 13, 13.37, 14.0, 14.1, 14.2 etc.). Eles têm suporte por vários anos após o lançamento, por meio de atualizações de segurança. As atualizações de segurança são adicionadas ao subdiretório "''/patches/packages/''de uma árvore de lançamento do Slackware em cada mirror público. As atualizações funcionais não são adicionadas às versões anteriores.+As versões estáveis (stable) ​​são as versões numeradas (12, 12.1, 13, 13.37, 14.0, 14.1, 14.2 etc.). Eles têm suporte por vários anos após o lançamento, por meio de atualizações de segurança. As atualizações de segurança são adicionadas ao subdiretório ''/patches/packages/'' de uma árvore de lançamento do Slackware em cada mirror público. As atualizações funcionais não são adicionadas às versões anteriores.
  
 A versão current, por outro lado, é uma //versão de desenvolvimento// que é sempre separada da árvore de diretórios estável do Slackware lançada recentemente. Normalmente, essa divisão ocorre algumas semanas após o lançamento estável.\\ Isso marca o início de um novo ciclo de desenvolvimento em direção ao //próximo// lançamento estável. No final de um ciclo de desenvolvimento, uma versão do Slackware é criada renomeando o diretório de nível superior "//slackware-current//" para "//slackware-NEWVERSION//". O Slackware-current é conhecido por causar atualizações relativamente frequentes e potencialmente prejudiciais ao sistema. Novos usuários e usuários que procuram um sistema estável para uso em produção devem //sempre// usar uma versão estável (relativamente recente). Os desenvolvedores do Slackware presumem que qualquer um que esteja executando o slackware-current percebe que é, em essência, //um testador beta//. A versão current, por outro lado, é uma //versão de desenvolvimento// que é sempre separada da árvore de diretórios estável do Slackware lançada recentemente. Normalmente, essa divisão ocorre algumas semanas após o lançamento estável.\\ Isso marca o início de um novo ciclo de desenvolvimento em direção ao //próximo// lançamento estável. No final de um ciclo de desenvolvimento, uma versão do Slackware é criada renomeando o diretório de nível superior "//slackware-current//" para "//slackware-NEWVERSION//". O Slackware-current é conhecido por causar atualizações relativamente frequentes e potencialmente prejudiciais ao sistema. Novos usuários e usuários que procuram um sistema estável para uso em produção devem //sempre// usar uma versão estável (relativamente recente). Os desenvolvedores do Slackware presumem que qualquer um que esteja executando o slackware-current percebe que é, em essência, //um testador beta//.
Linha 51: Linha 51:
  
   * //Stable// é construído em componentes sólidos, com software bem testado. Esta versão recomendada irá atender às suas necessidades de desktop ou servidor.   * //Stable// é construído em componentes sólidos, com software bem testado. Esta versão recomendada irá atender às suas necessidades de desktop ou servidor.
-  * //Current// é o campo de testes para o próximo lançamento. O software que você encontrará geralmente será a versão mais recente do [[wp>Upstream_% 28software_development% 29|upstream]]. Para obter mais informações sobre a atual (current), visite a [[slackware:current|página dedicada]].+  * //Current// é o campo de testes para o próximo lançamento. O software que você encontrará geralmente será a versão mais recente do [[wp>Upstream_% 28software_development% 29|upstream]]. Para obter mais informações sobre a atual (current), visite a [[pt-br:slackware:current|página dedicada]].
  
 Se você quiser saber quando a próxima versão será lançada (no momento da escrita, a versão estável mais recente é a 14.2), ela estará pronta ... **quando estiver pronta!** Não há datas de lançamento fixas, pois o objetivo do Slackware é fornecer a experiência mais estável do Linux. Se você quiser saber quando a próxima versão será lançada (no momento da escrita, a versão estável mais recente é a 14.2), ela estará pronta ... **quando estiver pronta!** Não há datas de lançamento fixas, pois o objetivo do Slackware é fornecer a experiência mais estável do Linux.
Linha 98: Linha 98:
 Leia a página na seção [[slackware:slackpkg|Slackpkg]], particularmente a seção [[slackware:slackpkg#full_system_upgrade|atualização completa do sistema]]. Leia a página na seção [[slackware:slackpkg|Slackpkg]], particularmente a seção [[slackware:slackpkg#full_system_upgrade|atualização completa do sistema]].
  
-Para rastrear o branch "Current", leia a página [[slackware:current|Slackware-Current]].+Para utilizar o branch "Current", leia a página [[slackware:current|Slackware-Current]].
  
 Se você deseja realizar uma atualização importante de uma versão anterior para a versão estável mais recente, você deve ler e seguir as instruções nos arquivos ''UPGRADE.TXT'' e ''CHANGES_AND_HINTS.TXT'' fornecidos no CD/DVD oficial do Slackware ou mirror para a versão apropriada (ou seja, a versão mais recente). Se você deseja realizar uma atualização importante de uma versão anterior para a versão estável mais recente, você deve ler e seguir as instruções nos arquivos ''UPGRADE.TXT'' e ''CHANGES_AND_HINTS.TXT'' fornecidos no CD/DVD oficial do Slackware ou mirror para a versão apropriada (ou seja, a versão mais recente).
Linha 111: Linha 111:
 O site oficial do Slackware [[http://slackware.com/support/|lista algumas empresas]] que oferecem suporte técnico e consultoria ao Slackware Linux. Provavelmente, é melhor fazer consultas locais em sua cidade ou município para serviços de tecnologia relacionados ao Linux se você precisar de suporte prático. O LUG (Linux User Group) local também pode ser uma fonte valiosa de conselhos/informações. O site oficial do Slackware [[http://slackware.com/support/|lista algumas empresas]] que oferecem suporte técnico e consultoria ao Slackware Linux. Provavelmente, é melhor fazer consultas locais em sua cidade ou município para serviços de tecnologia relacionados ao Linux se você precisar de suporte prático. O LUG (Linux User Group) local também pode ser uma fonte valiosa de conselhos/informações.
  
-==== O Slackware Linux tem uma edição especial para "desktop", para "servidor", etc ====+==== O Slackware Linux tem uma edição especial para "desktop", para "servidor", etc====
  
 Não, existe apenas uma edição do Slackware. Slackware é uma distribuição de propósito geral que pode ser configurada e customizada de acordo com as necessidades do usuário final. Conheça também a [[pt-br:slackware:philosophy|Filosofia do Slackware]] para uma explicação mais longa sobre a adesão à filosofia KISS. Não, existe apenas uma edição do Slackware. Slackware é uma distribuição de propósito geral que pode ser configurada e customizada de acordo com as necessidades do usuário final. Conheça também a [[pt-br:slackware:philosophy|Filosofia do Slackware]] para uma explicação mais longa sobre a adesão à filosofia KISS.
Linha 175: Linha 175:
 Por padrão, o Slackware instala o kernel ''huge'', que possui suporte embutido para todos os drivers de hardware possíveis. Isso pode aumentar o tempo de inicialização, pois o kernel procura por hardware na inicialização. Você pode mudar para o kernel ''generic'' seguindo as instruções no arquivo ''/boot/README.initrd''. Veja também: [[slackware:beginners_guide#switch_to_generic_kernel|como configurar o kernel genérico]]. Por padrão, o Slackware instala o kernel ''huge'', que possui suporte embutido para todos os drivers de hardware possíveis. Isso pode aumentar o tempo de inicialização, pois o kernel procura por hardware na inicialização. Você pode mudar para o kernel ''generic'' seguindo as instruções no arquivo ''/boot/README.initrd''. Veja também: [[slackware:beginners_guide#switch_to_generic_kernel|como configurar o kernel genérico]].
  
-Você também pode desabilitar os serviços não utilizados no diretório '' /etc/rc.d/ '', desabilitando o bit executável do script de inicialização. Por exemplo, para desabilitar o daemon Apache, basta executar (como root)+Você também pode desabilitar os serviços não utilizados no diretório ''/etc/rc.d/'', desabilitando o bit executável do script de inicialização. Por exemplo, para desabilitar o daemon Apache, basta executar (como root)
 <code>chmod -x rc.httpd</code> <code>chmod -x rc.httpd</code>
  
Linha 181: Linha 181:
 <code> #pkgtool </code> <code> #pkgtool </code>
 navegue até o item ''Setup'' e pressione ''Enter'' navegue até o item ''Setup'' e pressione ''Enter''
-{{:slackware:pkgtool.png?nolink|}}+{{ :slackware:pkgtool.png?nolink |}}
 em seguida, navegue até o item ''services'', marque-o com a tecla ''Espaço'' e pressione ''Enter'' em seguida, navegue até o item ''services'', marque-o com a tecla ''Espaço'' e pressione ''Enter''
-{{:slackware:servises-1.png?nolink|}}+{{ :slackware:servises-1.png?nolink |}}
 em seguida, desmarque do item ''[] httpd'' com a tecla ''Espaço'' e pressione ''Enter''. em seguida, desmarque do item ''[] httpd'' com a tecla ''Espaço'' e pressione ''Enter''.
-{{:slackware:servises-2.png?nolink|}}+{{ :slackware:servises-2.png?nolink |}}
 Finalmente, selecione ''Exit'' e pressione ''Enter''. Finalmente, selecione ''Exit'' e pressione ''Enter''.
  
Linha 199: Linha 199:
 compact</code> compact</code>
  
-Além disso, o Slackware executa vários scripts relacionados ao X/GTK na inicialização para níveis de execução multiusuário (''fc-cache'', ''update-mime-database'', ''gtk-update-icon-cache'', ''update-gtk-immodules'', ''update-gdk-pixbuf-loaders'', ''update-pango-querymodules'' etc.). Eles podem ser desabilitados manualmente comentando as linhas que se referem a eles no arquivo ''/etc/rc.M'', mas não desabilite nada a menos que você esteja absolutamente certo de que sabe o que está fazendo! Esses scripts são essenciais para que os aplicativos GTK renderizem fontes e ícones de maneira adequada.\\ +Além disso, o Slackware executa vários scripts relacionados ao X/GTK na inicialização para níveis de execução multiusuário (''fc-cache'', ''update-mime-database'', ''gtk-update-icon-cache'', ''update-gtk-immodules'', ''update-gdk-pixbuf-loaders'', ''update-pango-querymodules'' etc.). Eles podem ser desabilitados manualmente comentando as linhas que se referem a eles no arquivo ''/etc/rc.M'', mas não desabilite nada a menos que você esteja absolutamente certo de que sabe o que está fazendo! Esses scripts são essenciais para que os aplicativos GTK renderizem fontes e ícones de maneira adequada. 
-<note warning>\\ A menos que você seja um usuário bastante avançado e saiba o que está fazendo, não tente modificar ou desabilitar nenhum dos scripts de inicialização. Alguns segundos extras ganhos durante a inicialização realmente fazem uma grande diferença?\\ </note>+<note warning>A menos que você seja um usuário bastante avançado e saiba o que está fazendo, não tente modificar ou desabilitar nenhum dos scripts de inicialização. Alguns segundos extras ganhos durante a inicialização realmente fazem uma grande diferença?</note>
  
 ==== O Slackware Linux tem a reputação de ser difícil para iniciantes. Isso é verdade? ==== ==== O Slackware Linux tem a reputação de ser difícil para iniciantes. Isso é verdade? ====
Linha 214: Linha 214:
  
  
-{{tag>slackware}}+{{tag>slackware translator_carriunix}}

Em outras línguas
QR Code
QR Code pt-br:slackware:faq (generated for current page)